2020-3-23

NEGÓCIOS

Canal e fabricantes precisam de estratégia conjunta para ultrapassar situação atual

Os serviços de IT podem estar entre os segmentos mais afetados pelo COVID-19 dentro da indústria. Dados são partilhados pela GlobalData

Espera-se que a evolução do COVID-19, também conhecido como Coronavírus, tenha um impacto acentuado em todo o mundo de uma maneira geral, mas também no setor de tecnologia. A GlobalData, chegou à conclusão que os fornecedores de serviços de IT estão particularmente vulneráveis a perturbações no mercado devido à pandemia.  

Para a consultora, o setor de serviços de IT será o mais afetado. A causa prende-se com as dificuldadesque estes serviços vão encontrar a curto prazo ao tentar entregar projetos em andamento enquanto os seus clientes permanecem bloqueados durante três meses. Depois do bloqueio terminar, prevê-se uma desaceleração massiva nos projetos de IT a longo prazo, à medida que as empresas vão cortar os gastos em projetos durante o resto do ano de 2020. 

É possível, no entanto, existir uma maneira de as empresas do Canal evitarem um impacto maior, mas apenas se os fornecedores se reunirem e trabalharem com os seus Parceiros para os ajudar a tirar o máximo proveito de uma situação que está longe de ser o ideal. 

Uma das opções sugeridas por John Walters, CEO da Nextgen Distribution, numa carta aberta ao setor citada pela DealerWorld, é que os fornecedores façam um esforço para incluir Parceiros em negócios diretos com os clientes, pelo menos nos próximos meses. Desta maneira, poderá ser possível fazer uma grande diferença para os fornecedores de IT, uma vez que a interrupção causada pelo COVID-19 já começa a ter o seu preço em vários países. 

Para as empresas de distribuição, diz Walters, a estratégia em questão daria ao Canal receitas e fluxos de caixa necessários para obter vários benefícios, incluindo a capacidade dos Parceiros de Canal de continuar a operar durante uma das piores interrupções da história e, assim, manter os seus colaboradores. 

Os benefícios que isto implica existem tanto para os Parceiros de Canal como para os fornecedores uma vez que será possível tirar proveito do talento dos Parceiros, independentemente de se a sua própria organização é afetada pelo progresso da crise. No caso das multinacionais, que contam com medidas tipicamente mais rígidas de controlo de custos que, com a recessão, inevitavelmente fará com que reduza a sua força de trabalho, é necessário um Canal forte e preparado para preencher essa lacuna.

Recomendado pelos leitores

Estado de Emergência. Lojas de venda e reparação de produtos informáticos mantêm-se abertas
NEGÓCIOS

Estado de Emergência. Lojas de venda e reparação de produtos informáticos mantêm-se abertas

LER MAIS

Estado emergência: Abrir ou fechar a loja ao público?
NEGÓCIOS

Estado emergência: Abrir ou fechar a loja ao público?

LER MAIS

O impacto do COVID-19 na indústria de IT
NEGÓCIOS

O impacto do COVID-19 na indústria de IT

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 65 MARÇO 2020

IT CHANNEL Nº 65 MARÇO 2020

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.