2020-9-08

REDES & TELECOM

Check Point e Cisco disponibiliza segurança em redes SD-WAN

A colaboração entre as duas empresas procura distanciar as arquiteturas tradicionais WAN e adotar a SD-WAN junto das organizações para que seja possível dar um maior suporte a aplicações SaaS em ambientes cloud

As empresas estão a mover as suas aplicações, trabalho e serviços dos data centers tradicionais para a cloud. Esta tendência, em conjunto com o aumento significativo de funcionários em trabalho remoto, tem feito expandir o número de superfícies suscetíveis a ciberataques.

Neste contexto, a Check Point, em colaboração com a Cisco, disponibiliza uma solução de rede SD-WAN de alto nível, que procura garantir a performance e segurança das aplicações corporativas e cloud, simplificando a sua instalação e reduzindo custos.  
 
O Software-Defined WAN da Cisco oferece às empresas uma gestão, performance e fiabilidade de alto nível. O SD-WAN otimiza a conectividade tanto pela Internet de banda larga, como por links privados de apps que residem em centros de dados, ao mesmo tempo que simplifica, centralizando, a gestão de rede das filiais. Conectar diretamente empresas à cloud por meio de um Local Internet Breakout reduz a latência e melhora, de forma geral, a experiência do utilizador. Contudo, como o tráfego na cloud para as conexões locais da Internet é descarregado a partir de uma WAN privada, as empresas tornam-se suscetíveis a ciberataques. A Check Point protege estes links com as mesmas soluções avançadas de prevenção contra ameaças disponíveis nos gateways de segurança locais da própria Check Point.

A CloudGuard Connect e CloudGuard Edge revolucionaram a segurança SD-WAN ao fornecerem soluções de topo na proteção de empresas, sucursais e funcionários remotos contra ciberataques avançados de 5ª geração. De rápida instalação na cloud ou on site, a CloudGuard Connect e a CloudGuard Edge oferecem às empresas soluções flexíveis, eficientes e uma proteção abrangente, que incluem: 

  • Prevenção de topo contra ameaças com uma taxa de bloqueio de 100% verificada por NSS de referência;
  • Soluções de segurança inovadoras que combinam uma inspeção do nível de CPU patenteado em cloud e um sandboxing de nível OS, prevenindo contra os mais perigosos e sofisticados ataques de quinta geração e de Zero-Day;
  • Inteligência de segurança em tempo-real da ThreatCloud. A ThreatCloud reúne inteligência sobre ameaças provinda da análise de 86 mil milhões de decisões de segurança, 4 milhões de emulações de arquivos e 7000 ataques Zero-Day todos os dias;
  • Flexibilidade para implementar soluções de segurança para múltiplos escritórios de várias localizações no espaço de minutos;
  • Uma plataforma unificada de gestão de ameaças e acessos capaz de reduzir as despesas operacionais até 40%.

O SD-WAN da Cisco é uma arquitetura segura, em cloud, aberta, programável e modulável. Através da consola Cisco SD-WAN vManage, é possível estabelecer rapidamente uma conexão SD-WAN que interligue data centers, sucursais, campus e instalações, melhorando a velocidade, segurança e eficiência de rede.  Enquanto empresa de redes líder mundial, a Cisco oferece uma ampla variedade de plataformas de serviços de redes, quer física, quer virtual. Escolhendo o SD-WAN da Cisco, ao utilizador é garantida a possibilidade de gerir plataformas confiáveis e certificadas, ao mesmo tempo que implementa a segurança certa no lugar certo, tudo isto partindo do painel Cisco vManage.

EdgeO Cisco ENCS 5000 é uma plataforma híbrida que combina a funcionalidade de router tradicional e servidor tradicional, com uma infraestrutura de menor dimensão, desenvolvida especificamente para correr VNFs certificados compatíveis e interoperáveis. Hospedar a CloudGuard Edge, virtual machine (VM) da Check Point, nos dispositivos Cisco ENCS de várias sucursais fornece aos clientes um controlo granular dos seus dados e respetiva segurança. Com o Cisco vManage, a virtual machine CloudGuard Edge está conectada aos aparelhos ENCS, evitando acessos físicos desnecessários, custos OPEX adicionais e a inflexibilidade associada à instalação e gestão de dispositivos físicos.  

IT CHANNEL Nº 72 NOVEMBRO 2020

IT CHANNEL Nº 72 NOVEMBRO 2020

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.