2022-11-23

NEGÓCIOS

Advertorial

Porque precisam os MSPs de um fabricante de segurança?

Os MSPs precisam de um fornecedor que compreenda o seu negócio e lhes permita integrar tecnologias recentes com as soluções que já utilizam, o que lhes proporciona um apoio real, ajudando-os a poupar tempo, evitando passar de um produto para outro

Porque precisam os MSPs de um fabricante de segurança?

A cibersegurança é uma questão que está a tornar-se cada vez mais difícil para as PMEs gerirem por conta própria. Como resultado, o recurso a MSPs está a aumentar exponencialmente. Dados da Canalys indicam que o negócio de serviços geridos de cibersegurança cresceu 18% em 2021, impulsionado pela combinação da crescente sofisticação das ameaças cibernéticas e a escassez de profissionais dedicados, o que torna a situação instável para as PMEs, que cada vez mais veem a contratação de um MSP externo como uma solução para resolver estas questões. 

Mas, para satisfazer as expectativas e necessidades dos clientes, as MSPs precisam de ter um fornecedor de cibersegurança que verdadeiramente compreenda as suas necessidades e as dos seus clientes finais.

Recentemente, a britânica Computer Weekly revelou que 98% dos MSPs sentem que precisam de ter mais apoio do seu fornecedor em pelo menos uma área específica. Entre as mais comuns encontram-se o planeamento da resposta a incidentes de segurança (44%), ajuda com as melhores práticas híbridas (50%), e apoio de marketing (44%). Além disso, precisam de apoio para expandir a sua carteira de serviços (38%), acompanhar a evolução do panorama das ciberameaças e acompanhar as tendências tecnológicas (35%).

As maiores oportunidades para parceiros

A segurança continua a liderar a lista de serviços obrigatórios para os MSP, com 92% dos inquiridos a afirmarem que precisam de se concentrar na segurança mais do que nunca, e consideram a segurança da rede (38%), a segurança de endpoints (33%) e a monitorização e gestão da rede (33%) como as maiores oportunidades.

Os MSPs precisam de um fornecedor que compreenda o seu negócio e lhes permita integrar tecnologias recentes com as soluções que já utilizam, o que lhes proporciona um apoio real, ajudando-os a poupar tempo, evitando passar de um produto para outro.

A parceria com um fornecedor que lhes apresente diferentes opções adaptadas ao seu negócio e lhes permita ajustar os seus pagamentos de acordo com a forma como recebem as receitas dos seus clientes finais é um fator de extrema importância para um MSP.

Um programa de parceiros dedicado

Os MSPs devem procurar um fornecedor de cibersegurança que lhes forneça serviços dedicados dentro da sua oferta. Estes programas têm em conta o seu modelo de negócio, compreendem como funcionam os seus fluxos de receitas, e proporcionam maior flexibilidade no consumo, faturação e incentivos. Para além das necessidades acima delineadas, os MSPs devem identificar um fornecedor de segurança que os ajude a fornecer um serviço excecional com soluções que satisfaçam as exigências dos seus clientes finais.

Programas como o WatchGuardONE da WatchGuard compreendem bem como funcionam os MSPs e permitem-lhes ajustar os seus métodos de faturação a um formato que se adeque ao seu modelo de negócio. 

Este programa responde a uma necessidade premente expressa por muitos fornecedores de serviços de oferecer apoio aos seus parceiros, desde conhecimentos técnicos e capacidade de resposta fornecidos por uma equipa interna 24/7, a especialistas dedicados a vendas e marketing designados para a sua conta. Com este nível de apoio, os parceiros podem definir planos, procurar novas oportunidades e, acima de tudo, assegurar a satisfação dos seus clientes.

Uma plataforma de segurança abrangente 

Finalmente, os MSPs devem procurar uma abordagem de plataforma de segurança abrangente que permita às suas equipas fazer mais com menos. De acordo com um estudo da Pulse, 95% dos MSPs acreditam que ferramentas de segurança não consolidadas acrescentam complexidade e custos e aumentam as vulnerabilidades, retardando a resposta e diminuindo a confiança dos clientes. 

Os riscos mais elevados e as configurações de rede sempre em mudança, hoje em dia, exigem uma abordagem de segurança que tenha uma base sólida para unificar a inteligência de segurança e permitir implementações geridas e escaláveis. 

A estrutura da Plataforma Unificada de Segurança® da WatchGuard é um exemplo do que deve ser feito, incorporando quatro linhas de produtos concebidos e desenvolvidos a pensar nos MSPs, ao mesmo tempo que se integra perfeitamente com a sua restante oferta de serviços geridos.

Todas estas vantagens de um fornecedor de segurança têm um impacto positivo nos resultados da sua empresa e permitem-lhe crescer rápida e eficientemente. Portanto, sim, os MSPs devem contar com um fornecedor de cibersegurança. É a ajuda de que necessitam para expandir o seu negócio enquanto elevam os seus serviços para o próximo nível através de uma carteira mais ampla com as capacidades de que as empresas tanto precisam.

 

Conteúdo co-produzido pela MediaNext e Watchguard

TAGS

Watchguard

Recomendado pelos leitores

Glintt nomeia nova comissão executiva
NEGÓCIOS

Glintt nomeia nova comissão executiva

LER MAIS

Portuguesa Magic Beans fecha 2022 com crescimento de 75%
NEGÓCIOS

Portuguesa Magic Beans fecha 2022 com crescimento de 75%

LER MAIS

Schneider Electric extende oferta de Micro Data Centers EcoStruxure para aplicações de TI em localizações edge
NEGÓCIOS

Schneider Electric extende oferta de Micro Data Centers EcoStruxure para aplicações de TI em localizações edge

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 94 FEVEREIRO 2023

IT CHANNEL Nº 94 FEVEREIRO 2023

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.