2020-2-24

NEGÓCIOS

Coronavírus: Canalys prevê impacto no mercado mundial de PC

Na melhor das hipóteses, o mercado mundial de PC terá um decréscimo de 3,4% em 2020 por causa do Coronavírus (COVID-19). Na pior das hipóteses, a Canalys estima um decréscimo de 8,5%

A Canalys atualizou a sua perspetiva para o mercado mundial de PC. Tendo em conta as várias informações dos vendedores, empresas da cadeia de valor, Parceiros de Canal e retalhistas, a empresa atualizou a sua estimativa também com os potenciais efeitos do COVID-19 que afeta vários países em todo o mundo e com um alto nível de gravidade na região asiática, e principalmente na China.

Nesta atualização, a Canalys apresenta dois cenários – o melhor e o pior – que representa o nível de impacto mínimo e máximo que o COVID-19 terá no mercado. A grande diferença entre os dois cenários, explica a Canalys, é o período de tempo necessário para que as operações tradicionais voltem ao normal na China. De qualquer modo, a Canalys tem uma 80% de certeza de que “o melhor cenário vai prevalecer”.

Melhor caso possível

Segundo a Canalys, o melhor caso possível verá os níveis de produção a estarem na sua capacidade máxima em abril de 2020. O maior impacto será nas vendas nos dois primeiros trimestres, com o mercado a recuperar nos terceiro e quatro trimestres. Deste modo, espera-se que as vendas mundiais de PC diminuam 3,4% em comparação com todo o ano de 2019, com o primeiro trimestre de 2020 a diminuir 10% e o segundo trimestre 9%, em comparação com os mesmos períodos do ano transato.

Numa base anual, a Canalys espera que o mercado mundial de PC comece lentamente a recuperar a partir de 2021. Impulsionados pelos níveis de produção que retornam à procura normal, a empresa espera um pequeno crescimento ano a ano em 2021, seguido por um CAGR de 0,6% entre 2021 e 2024.

A China será mais afetada do que o resto do mundo, uma vez que o surto de COVID-19 não terá apenas impacto do lado da oferta para produção, logística, transporte, etc., mas também irá impactar o lado da procura. Em particular, a procura do segmento de consumidores de PC será significativamente mais afetada do que a procura no segmento comercial.

Pior caso possível

No pior cenário, não se espera que os níveis de produção voltem ao normal até junho de 2020. Como resultado, as vendas nos três primeiros trimestres mostrarão um declínio significativo ano a ano em comparação com 2019. Espera-se que o mercado mostre sinais de recuperação no quarto trimestre de 2020.

Deste modo, a Canalys espera que as vendas no mercado mundial de PC diminuam ano a ano por três trimestres consecutivos, com um declínio de 21% no primeiro trimestre, um decréscimo de 23% no segundo e uma diminuição de 6% no terceiro trimestre. Depois, no quarto trimestre, o mercado deverá registar um crescimento de 13% à medida que o mercado vai estabilizar.

A confirmar-se, o mercado mundial de PC sofrerá um forte declínio de 8,5% ano a ano em 2020 quando comparado a 2019, impulsionado pelo fraco desempenho nos três primeiros trimestres em todas as principais regiões, com a recuperação do mercado atrasada até o quarto trimestre. Espera-se então que o mercado recupere com um crescimento de 3% em 2021 e um CAGR de 1,6% entre 2021 e 2024.

Recomendado pelos leitores

Grupo CPCis conta com nova empresa
NEGÓCIOS

Grupo CPCis conta com nova empresa

LER MAIS

Sines 4.0 - 3,5 mil milhões num hyperscale de 450MW
NEGÓCIOS

Sines 4.0 - 3,5 mil milhões num hyperscale de 450MW

LER MAIS

Tech Data desenvolve portal totalmente integrado com Cisco
NEGÓCIOS

Tech Data desenvolve portal totalmente integrado com Cisco

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 77 MAIO 2021

IT CHANNEL Nº 77 MAIO 2021

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.