2022-2-07

EVENTOS

Check Point apresenta nova estratégia no evento CPX 360

No decorrer do seu evento de cibersegurança CPX 360, a Check Point apresentou a firewall para data center Quantum Lightspeed, e o lançamento da nova imagem, com o slogan "You Deserve the Best Security"

A Check Point organizou recentemente o CPX 360, evento de cibersegurança dedicado a clientes e Parceiros. Em três dias de evento online, apresentou a tecnologia Quantum Lightspeed, “a firewall mais rápida do mundo”, e anunciou o lançamento da nova imagem da Check Point em quase 30 anos. "You Deserve the Best Security" foi o slogan para o novo logótipo da empresa e marca o novo impulso estratégico da Check Point para levar as organizações a implementar as soluções de segurança abrangentes, com uma abordagem “prevention-first”.

A abrir o evento, o fundador e CEO da Check Point, Gil Shwed, abordou a grande transformação da empresa, que surgiu em resposta ao pós-pandemia e à crescente dependência da rede, numa palestra intitulada “You Deserve the Best Security”. "Hoje, mais do que nunca, o puzzle online tem de estar seguro. O nível de sofisticação dos ataques continua a aumentar. Os ataques Gen V são algo a que assistimos diariamente: ataques a cadeias de abastecimento, ataques de ransomware que podem derrubar um hospital inteiro ou um oleoduto inteiro para metade dos EUA, e vulnerabilidades como as que acabámos de ver no mês passado como a Log4j. Quando olhamos para 2021, este foi um dos anos mais desafiantes em termos de ciberataques”, disse.

Mais, “todos os ataques a que assistimos em 2021, desde a Solar Winds à Log4J, foram ataques multi vetor de Gen V. Perante estas ameaças, as organizações não podem mais dar-se ao luxo de ter a sua segurança comprometida. O segundo melhor não é suficiente. O segundo melhor não funciona. O segundo melhor vai falhar”, afirma Gil Shwed.

O responsável explicou como a arquitetura Infinity da Check Point é a base da atividade da empresa, fornecendo uma solução unificada para cada ameaça, com base em três pilares – a solução Quantum para proteger a rede; CloudGuard para segurança completa da cloud; e Harmony para proteger os utilizadores e o seu acesso – tudo baseado no software de gestão Infinity Vision e na ThreatCloud. O CEO da empresa disse que a Check Point Infinity é a única arquitetura na indústria que dá a mais ampla cobertura de segurança para todos os vetores de ataque: móvel, rede, e-mail, servidores web, endpoint e cloud – “a única tecnologia de IA que bloqueou o Log4j em zero-day", disse.

A nova tecnologia de firewall Quantum Lightspeed para data centers resulta da colaboração com o programador ASIC Nvidia: “a solução Quantum Lightspeed é a mais recente inovação do portfólio Quantum, e, através de maior rendimento, latência ultrabaixa e melhor relação  preço-desempenho, procura dar o pontapé inicial para a maior revolução de segurança de rede da última década”, assegurou Gil Shwed. “Temos de continuar à frente das ameaças emergentes e para isso precisamos de tecnologia em evolução que possa identificar e emergir a par das ameaças. Por isso, estamos a projetar incluir IA na nossa próxima geração de firewall. Vemo-nos evoluir a partir das GPUs de forma a poder acelerar o cálculo IA”, acrescentou Dorit Dor, Check Point Chief Product Officer. 

Já Itai Greenberg, Head of Check Point Product management, falou sobre os planos para 2022 para os três pilares de produtos. Do lado da segurança de rede, destacou as novidades na família Quantum, com especial foco no novo gateway Quantum Lightspeed: “O Quantum Lightspeed redefine a relação preço-desempenho. Oferecemos 5 vezes o desempenho da geração de Gateways anterior.

Na CloudGuard, olhou para os mais recentes desenvolvimentos na proteção do ambiente cloud para DevOps, salientando que a Check Point foi o único fornecedor de segurança cloud que garantiu proteção preventiva contra a vulnerabilidade Log4j em dezembro de 2021, disse Itai Greenberg.

Para o acesso seguro do utilizador final, o responsável realçou que a Check Point Harmony é, na realidade, cinco soluções numa só, fornecendo uma experiência de segurança consistente, enquanto outros oferecem múltiplos produtos para diferentes tipos de ameaças e vetores de ataque. Itai Greenberg explicou, ainda, como a solução SASE Harmony Connect se adequa a ambientes de segurança mistos de uma rede de sucursais, utilizadores remotos, entre outros agentes, todos utilizando dispositivos sem gestão central e necessitando de beneficiar do maior nível de proteção.

ARTIGOS RELACIONADOS

Check Point apresenta nova versão do Harmony Connect
SEGURANÇA

Check Point apresenta nova versão do Harmony Connect

LER MAIS

Check Point lança nova firewall para segurança de data center
NEGÓCIOS

Check Point lança nova firewall para segurança de data center

LER MAIS

Check Point lança portal de formação
SEGURANÇA

Check Point lança portal de formação

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 89 JULHO 2022

IT CHANNEL Nº 89 JULHO 2022

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.