2019-5-13

CLOUD

Microsoft apresenta novas experiências cloud e novas ferramentas de desenvolvimento

Durante o Microsoft Build, a tecnológica de Redmond anunciou inovações de colaboração e cloud híbrida baseadas em Inteligência Artificial em Microsoft 365 e Azure

Os clientes e Parceiros da Microsoft estão em destaque no Microsoft Build 2019, a conferência anual de developers da Microsoft, com novas soluções que proporcionam experiências mais inteligentes e centradas no cliente.

“Este é o tempo dos developers. Desde incorporar Inteligência Artificial (IA) e realidade mista em aplicações, a utilizar blockchain para resolver problemas de negócio são alguns dos exemplos que demonstram que as capacidades e impacto dos programadores está a aumentar significativamente. Hoje apresentamos serviços Azure inovadores para que os developers possam criar as próximas gerações de aplicações. Com cerca de 95% dos clientes da Fortune 500 a utilizar Azure, estas inovações podem ter um grande impacto”, explica Scott Guthrie, Vice-presidente executivo da Microsoft Cloud e Inteligência Artificial.

A Microsoft anunciou um novo conjunto de tecnologias de IA para o Azure, para ajudar os programadores e os data scientists a aplicar IA em qualquer solução:

  • Os Azure Cognitive Services fornecem às apps a capacidade de ver, ouvir, responder, traduzir, raciocinar e muito mais. A Microsoft tem uma nova categoria de serviços cognitivos denominada "Decision" que oferece aos utilizadores recomendações específicas para tomadas de decisão informadas e eficientes. Esta categoria inclui o Content Moderator, o recém-anunciado “Anomaly Detection API” e um novo serviço denominado “Personalizer”, que utiliza o reforço de aprendizagem para oferecer a cada utilizador uma recomendação específica para apoiar a tomada de decisão;
  • A Microsoft traz também a inteligência artificial ao Azure Search através da disponibilização de pesquisa cognitiva, que permite aos clientes aplicar algoritmos de Cognitive Services para extrair novos insights de conteúdo estruturado e não estruturado. Adicionalmente, a Microsoft antecipa um novo recurso que permite aos developers armazenar insights de IA adquiridos na pesquisa cognitiva, facilitando a criação de experiências ricas em conhecimento que utilizam visualizações do Power BI ou modelos de machine learning.

A empresa traz, também, inovações para Azure que simplificam o processo de criação, formação e implementação de modelos de machine learning:

  • Capacidades DevOps para Machine Learning (MLOps) com a integração do Azure DevOps fornecem aos developers a reprodutibilidade, a auditabilidade e a automação de todo o ciclo de vida do machine learning;
  • Avanços automatizados de machine learning e uma interface intuitiva que facilita o desenvolvimento de modelos de alta qualidade;
  • Interface visual de machine learning que oferece uma experiência de criação e implementação de modelo código zero com capacidades de drag-and-drop;
  • Para permitir uma latência extremamente baixa e uma inferência rentável, a Microsoft também anunciou a disponibilização de modelos acelerados por hardware que são executados em Field Programmable Gate Arrays (FGPAs), bem como o suporte ao Open Neural Network Exchange (ONNX) Runtime para NVIDIA TensorRT e Intel nGraph para inferência de alta velocidade em chipsets NVIDIA e Intel.

Recomendado pelos leitores

AWS e Microsoft lideram fornecimento de serviços cloud em Portugal
CLOUD

AWS e Microsoft lideram fornecimento de serviços cloud em Portugal

LER MAIS

VMware traz melhorias para fornecedores de cloud
CLOUD

VMware traz melhorias para fornecedores de cloud

LER MAIS

Primeiro ponto de presença em Portugal da Amazon CloudFront já está operacional
CLOUD

Primeiro ponto de presença em Portugal da Amazon CloudFront já está operacional

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 60 SETEMBRO 2019

IT CHANNEL Nº 60 SETEMBRO 2019

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.