2017-12-26

NEGÓCIOS

A importância da Comunicação Integrada de Marketing

Gostava que a sua empresa tivesse uma estratégia de comunicação e marketing eficiente? Saiba, então, que o primeiro passo é ter uma só voz e saber passar uma mensagem coerente e forte

A comunicação integrada de marketing (CIM) tem como objetivo unificar tudo o que sua empresa comunica para garantir que a voz seja sempre a mesma, independentemente do formato de conteúdo ou canal escolhido. É, aliás, uma ferramenta estratégica essencial para o desenvolvimento das empresas, contribuindo para que consigam potencializar a sua presença no mercado e destacar-se da concorrência.

Trata-se de um processo de planeamento desenhado para assegurar que todos os contactos feitos por uma empresa junto do seu cliente-alvo - para divulgar produtos, serviços ou a empresa em si - sejam relevantes para esse público e consistentes ao longo do tempo. O conceito é simples: a comunicação integrada de marketing garante que todas as formas de comunicação e as suas respetivas mensagens acompanhem um objetivo maior e único.

E todas elas funcionam melhor se trabalhadas de forma conjunta, porque a sua soma é infinitamente melhor do que cada uma das partes isoladas. Ou seja: o seu plano de comunicação empresarial deve estar em harmonia, todas as partes devem conversar entre si, a fim de garantir um resultado eficaz. Não adianta a sua identidade visual transmitir uma ideia e o conteúdo que partilha no seu website, por exemplo, transmitir outra, completamente diferente.

A mensagem que quer transmitir tem que ser objetiva, com um só ideal, ou seja, igual em todos os meios comunicativos que a sua empresa utilizar. Isto significa que todo e qualquer tipo de conteúdo que a sua empresa produz, bem como as suas estratégias de marketing direto, publicidade, comunicação nas redes sociais e assessoria de imprensa precisam de falar a mesma língua.

A comunicação integrada de marketing pode representar não só uma vantagem competitiva, no reforço na sua estratégia de posicionamento, como também pode resultar em menos sobreposição de tarefas e despesas desnecessárias. As mensagens consistentes, independentemente do canal utilizado, também garantem que a sua empresa se mantém na cabeça do seu público-alvo, aumentando o seu valor com o passar do tempo, desde que seja coerente com a sua estratégia de branding.

 

As ferramentas da CIM

Qualquer empresa que deseja desenvolver uma campanha de comunicação e marketing eficiente e bem estruturada, precisa de compreender as ferramentas disponíveis para que as possa integrar de forma organizada e coerente. O conceito de CIM baseia-se, por isso em seis formas essenciais de comunicação: Publicidade – Forma de divulgar um produto, serviço ou empresa. É paga, veiculada para grandes públicos, sendo o anunciante e as suas intenções facilmente identificadas. Utiliza vários tipos de meios, dos digitais aos tradicionais. Relações públicas e assessoria de imprensa – Tem como objetivo promover e/ou proteger uma empresa ou marca e os seus produtos. Constrói uma identidade corporativa a fim de atingir uma reputação positiva. Venda pessoal – É a venda propriamente dita, personalizada e construída através do diálogo entre comercial e cliente, “face to face”. Como atinge um número limitado de pessoas, exige know-how e eficiência. Marketing direto – Visa chegar diretamente ao cliente, de uma forma específica, interativa e inovadora, utilizando o email, o telefone e as redes sociais para criar esse relacionamento. Exige profissionais qualificados para o aplicar e permite medir o retorno de cada ação. Promoção de vendas – Incentivos a curto prazo para motivar a compra e a venda de um produto ou serviço. Normalmente possui um objetivo específico, com tempo determinado e visa impactar o cliente, agregando algum benefício extra ao produto. Para isso, utiliza estratégias como descontos no preço, incentivos a forças comerciais, programas de fidelização, entre outros. Eventos – Meio mais eficiente para criar interações entre a sua empresa e o seu público-alvo. Os eventos podem ir das palestras, congressos e seminários, aos eventos culturais e desportivos. É importante que exista uma ampla divulgação e um material bem estruturado, dando-se a devida atenção a cada detalhe, pois qualquer falha pode resultar no fracasso do evento, obtendo-se consequentemente um resultado oposto ao desejado.

 

Em resumo

Uma boa comunicação é essencial para a melhoria de processos nas organizações e para a otimização das suas atividades, influenciando positivamente no alcance dos objetivos estratégicos, sendo até um fator decisivo para a sobrevivência das empresas no mercado. No entanto, esta comunicação tem que estar alinhada com os objetivos de marketing e – sobretudo – ser feita apenas a uma só voz, de forma coerente e assertiva. Se a sua mensagem for única, torna-se mais fácil reconhecer a sua voz no meio de tanto ruído. E é através da sua voz que a empresa conseguirá criar e manter relacionamentos com os seus clientes.

Sérgio Azevedo | Managing Director da Streamroad Consulting

Recomendado pelos leitores

As tendências de negócio no Canal
NEGÓCIOS

As tendências de negócio no Canal

LER MAIS

Bússola Tecnológica para 2018
NEGÓCIOS

Bússola Tecnológica para 2018

LER MAIS

RGPD, mobilidade e cibersegurança vão ditar investimentos tecnológicos em 2018, diz a Toshiba
NEGÓCIOS

RGPD, mobilidade e cibersegurança vão ditar investimentos tecnológicos em 2018, diz a Toshiba

LER MAIS

IT CHANNEL Nº43 Dezembro de 2017

IT CHANNEL Nº43 Dezembro de 2017

VER EDIÇÕES ANTERIORES