2019-11-02

SEGURANÇA

RGPD: os impactos nos processos de negócio

O Regulamento Geral de Proteção de Dados está a mudar a confiança do consumidor e a segurança dos dados na Europa – esta é a conclusão de um estudo da CheckPoint e OnePoll

Após o primeiro ano de vigência da implementação do RGPD, a Check Point Software, em parceria com a empresa de estudos de mercado OnePoll, procurou perceber como as organizações europeias estão a endereçar os requisitos da regulamentação.

Conclui-se que a implementação do RGPD tem trazido um efeito extremamente positivo nos processos de negócio europeus. A Check Point também desenvolveu uma nova aplicação apelidada de GDPRate para apoiar as empresas a implementar e estarem a par das componentes essenciais para uma estratégia de RGPD de sucesso.

O estudo contou com respostas de 1000 CTOs, CIOs, IT managers e Security managers de França, Alemanha, Itália, Espanha e Reino Unido, para compreender como as empresas europeias abordaram os requisitos do RGPD. Três quartos (75%) das organizações acreditam que o RGPD teve um impacto benéfico na confiança do consumidor, e 73% asseguram que melhoraram a segurança dos seus dados.

Entretanto, 60% dos inquiridos afirmam que os seus negócios já adotaram por completo todas as medidas de RGPD, com 4% a encontrarem-se ainda no início do processo de conformidade.

Quando questionados sobre a sua performance a gerir e cumprir os requisitos do RGPD numa escala de 0 a 10 (onde o 0 “nada” e 10 “totalmente”), a média alcançada foram uns otimistas 7,91, relata a Check Point.

65% dos CTOs, CIOs, IT Managers e Security Managers acreditam que as suas empresas têm uma abordagem estratégica e orgânica à cibersegurança. Esta abordagem estratégica define-se num todo, onde as medidas são aplicadas de baixo para cima – e isto está a ser usado para atingir as obrigações do RGPD.

O estudo revela um progresso significativo em toda a Europa, e isto deve-se um conjunto de diferentes iniciativas. Um pouco mais de metade (55%) dos inquiridos indicaram ter criado grupos de trabalho focados no RGPD. Os restantes 45% alocaram orçamento para cobrir os custos de implementação do RGPD, enquanto 41% contratou consultores de RGPD.

A partir de uma perspetiva de TI, os passos mais comuns efetuados para estar conforme os requisitos do RGPD são:

·      Adoção standard de medidas de segurança (44%)

·      Promoção de ações de formação para empregados, para aumentar o seu conhecimento dos riscos de segurança de dados (41%)

·      Implementação um sistema de controlo de acessos e de encriptação (41%)

Já os três benefícios de longo prazo do RGPD esperados são:

·      Ajudar as organizações a demonstrar o seu foco nos dados dos clientes e aumento de lealdade (45%)

·      Tornar as operações mais eficientes, especialmente no que toca a cibersegurança (44%)

·      Fornecer uma visão mais compreensiva na informação processada pela empresa (40%)

Recomendado pelos leitores

As previsões de ameaças dirigidas para 2020
SEGURANÇA

As previsões de ameaças dirigidas para 2020

LER MAIS

Portugal entre os países mais afetados por campanha de malware
SEGURANÇA

Portugal entre os países mais afetados por campanha de malware

LER MAIS

Ataques dirigidos a nações e aos dispositivos móveis entre as principais ameaças de 2020
SEGURANÇA

Ataques dirigidos a nações e aos dispositivos móveis entre as principais ameaças de 2020

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 63 DEZEMBRO 2019

IT CHANNEL Nº 63 DEZEMBRO 2019

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.