2023-1-19

SEGURANÇA

Investimentos em cibersegurança deverão crescer 13% em 2023

De acordo com a Canalys, os produtos e serviços empresariais de cibersegurança vão continuar a ser uma fonte de crescimento para os Parceiros de Canal durante o ano de 2023

Investimentos em cibersegurança deverão crescer 13% em 2023

Segundo as últimas previsões de cibersegurança da Canalys, os gastos globais com cibersegurança, que incluem produtos e serviços empresariais, vão aumentar 13,2% em 2023 e continuar a ser um setor de crescimento fundamental para os Parceiros de Canal. Espera-se que os gastos totais em 2023 cheguem aos 223,8 mil milhões de dólares de dólares no melhor cenário, com o crescimento na prestação de serviços de cibersegurança a superar as vendas de produtos.

Os níveis de ameaça persistentemente elevados vão manter a segurança cibernética no topo da lista de prioridades de investimento para as organizações. Mas nem todos os projetos planeados serão aprovados, uma vez que está a aumentar a pressão sobre os responsáveis de orçamento para examinar os gastos e focar apenas nas necessidades de cibersegurança mais urgentes para minimizar o risco de ciberameaças. Os gastos entre governos e empresas vão aumentar, mas o investimento de empresas mais pequenas vai enfraquecer à medida que as condições económicas se deterioram.

O cenário de ameaças em evolução vai manter a pressão sobre as organizações para ampliar e aprofundar as suas defesas de cibersegurança, expandir os recursos de deteção e melhorar a resposta a incidentes em 2023. “O ransomware continua a ser a maior ameaça para as organizações de uma perspetiva operacional, financeira e de marca. Mas o surgimento e o abuso de modelos generativos de IA, como o ChatGPT, vão aumentar o risco para outro nível em 2023”, explicou Matthew Ball, analista-chefe da Canalys. “Isso vai permitir e acelerar a criação de códigos maliciosos em escala industrial por mais agentes de ameaças e aumentar a frequência e o alcance dos ataques. As organizações já estão a lutar para lidar com os níveis de ameaça atuais e não podem cortar gastos, uma vez que isso os irá deixar ainda mais vulneráveis. Em vez disso, vão precisar de trabalhar mais perto com os Parceiros de Canal para fazer investimentos mais inteligentes”.

A prestação de serviços de segurança cibernética, incluindo consultoria, terceirização, implementação, integração, manutenção e serviços geridos, deverá crescer 14,1%, para 144,3 mil milhões de dólares em 2023. Este valor vai representar 64,5% do mercado mundial de cibersegurança em 2023.

As organizações vão continuar a transformar as suas estratégias de cibersegurança para aumentar a sua resiliência durante ano. A implementação de arquiteturas Zero Trust para lidar com as vulnerabilidades que foram exploradas com sucesso nos últimos três anos desde o início da pandemia será o tema central”, referiu Srikara Upadhyaya, analista de pesquisa da Canalys. “Isso vai gerar mais compromissos de consultoria para os Parceiros de Canal, além de criar oportunidades de implementação e integração de vários produtos de diferentes fornecedores, reduzindo a complexidade operacional através de serviços geridos. No geral, mais de 90% dos gastos totais com produtos e serviços de cibersegurança vão passar pelos Parceiros de Canal em 2023”.

As vendas de produtos de cibersegurança, incluindo segurança de endpoint, segurança de rede, segurança de web e e-mail, segurança de dados, gestão de identidade e acesso e análise de vulnerabilidade e segurança, vão aumentar 11,7% para 79,5 mil milhões em 2023. Isto representa um crescimento robusto, mas também é uma desaceleração em relação aos níveis de 2022, quando as organizações aumentaram os gastos para atualizar as defesas existentes e adicionaram novos recursos, especialmente cloud, IoT/OT e segurança de identidade.

Os tamanhos dos negócios vão continuar a aumentar em 2023, mas isso também fará estender os ciclos de vendas, pois serão necessários níveis adicionais de aprovação. Apresentar avaliações de risco e demonstrar o retorno do investimento será ainda mais importante para os Parceiros de Canal. Mas os gastos totais com cibersegurança vão ficar aquém do nível necessário para virar a maré contra as ameaças após anos de subinvestimento crónico.

ARTIGOS RELACIONADOS

Mercado global de cibersegurança cresce 16% no terceiro trimestre
NEGÓCIOS

Mercado global de cibersegurança cresce 16% no terceiro trimestre

LER MAIS

IT Security Conference: “É preciso normalizar a cibersegurança”
EVENTOS

IT Security Conference: “É preciso normalizar a cibersegurança”

LER MAIS

Gastos com cibersegurança vão aumentar quase 11% na Europa
SEGURANÇA

Gastos com cibersegurança vão aumentar quase 11% na Europa

LER MAIS

Recomendado pelos leitores

Conheça os oradores do live event de cibersegurança do IT Channel
SEGURANÇA

Conheça os oradores do live event de cibersegurança do IT Channel

LER MAIS

Mais de metade das organizações quer mudar a sua estratégia de proteção de dados até 2023
SEGURANÇA

Mais de metade das organizações quer mudar a sua estratégia de proteção de dados até 2023

LER MAIS

Apenas 10% das grandes empresas vão ter programas de zero trust até 2026
SEGURANÇA

Apenas 10% das grandes empresas vão ter programas de zero trust até 2026

LER MAIS

Programas de Canal 2023

Programas de Canal 2023

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.