2019-8-19

SEGURANÇA

EUA dão mais 90 dias à Huawei

O governo norte-americano vai estender a autorização que permite à Huawei continuar a comprar materiais a empresas dos Estados Unidos

O secretário do comércio dos EUA, Wilbur Ross, anunciou na segunda-feira que o governo dos EUA irá conceder um adiamento de 90 dias à Huawei. Deste modo, a empresa chinesa pode continuar a comprar a empresas norte-americanas.

O departamento informou que a prorrogação de 90 dias “tem o objetivo de proporcionar aos consumidores em toda a país o tempo necessário para fazer a transição para longe dos equipamentos da Huawei, dada a persistente ameaça à segurança nacional e à política externa”.

"À medida que continuamos a pedir aos consumidores que façam a transição para produtos que não sejam da Huawei, reconhecemos que é necessário mais tempo para evitar qualquer interrupção", afirmou o secretário em comunicado.

Wilbur Ross anunciou, também, que iria adicionar 46 empresas afiliadas da Huawei à chamada "Lista de entidades" - uma lista de empresas efetivamente proibidas de fazer negócios com clientes dos EUA - elevando o número total para mais de cem entidades da Huawei cobertas pelas restrições.

A prorrogação, até 18 de novembro, renova um acordo que mantém a capacidade da empresa chinesa de manter redes de telecomunicações existentes e fornecer atualizações de software para aparelhos Huawei.

Recomendado pelos leitores

Criptomining já não é o tipo de malware mais procurado
SEGURANÇA

Criptomining já não é o tipo de malware mais procurado

LER MAIS

Mercado português de cibersegurança cresceu 3,6%
SEGURANÇA

Mercado português de cibersegurança cresceu 3,6%

LER MAIS

Eset lança sistema para bloquear fugas de informação
SEGURANÇA

Eset lança sistema para bloquear fugas de informação

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 62 NOVEMBRO 2019

IT CHANNEL Nº 62 NOVEMBRO 2019

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.