2013-12-18

SEGURANÇA

Aumentam ciberataques às empresas

Um estudo realizado pela Kaspersky Lab e pela B2B International dá conta de que 96 por cento das empresas de todo o mundo foram vítimas de pelo menos um incidente de segurança, este ano, 7 por cento dos quais estiveram relacionados com ataques dirigidos.

Em comunicado, a Kaspersky destaca que o uso alargado de dispositivos digitais nas empresas veio criar um clima propício à prática da ciberespionagem e à disseminação de software malicioso concebido para roubar dados corporativos. “O potencial é tão elevado que os programas maliciosos são capazes de assumir por completo a identidade de alguns membros estratégicos da companhia para poder recolher em seu nome os dados críticos da empresa”, sublinha.
Os funcionários das empresas são apontados pelo estudo como o alvo favorito dos ataques, sendo que as mensagens maliciosas são sobretudo enviadas aos colaboradores dos departamentos de relações públicas e recursos humanos.
Em 2013, de acordo com a mesma fonte, os principais objectivos dos ataques dirigidos foram as empresas da indústria petrolífera, as companhias de telecomunicações, os centros científicos de investigação, a indústria aeroespacial e outros campos relacionados com o desenvolvimento de alta tecnologia.

www.kaspersky.pt

Recomendado pelos leitores

Hackers continuam a espiar PME
SEGURANÇA

Hackers continuam a espiar PME

LER MAIS

Marketplace da Check Point procura agilizar “o processo de modelagem de soluções” para os Parceiros
SEGURANÇA

Marketplace da Check Point procura agilizar “o processo de modelagem de soluções” para os Parceiros

LER MAIS

O utilizador, o dispositivo e os dados: os três principais desafios da cibersegurança
SEGURANÇA

O utilizador, o dispositivo e os dados: os três principais desafios da cibersegurança

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 70 SETEMBRO 2020

IT CHANNEL Nº 70 SETEMBRO 2020

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.