2021-9-27

NEGÓCIOS

Advertorial

Modelo de trabalho flexível é sinónimo de mobilidade, segurança e produtividade

Quando falamos de modelos de trabalho híbrido, já não podemos falar em tendência

Segundo uma pesquisa global da Salesforce feita a mais de 20.000 pessoas em todo o mundo, 60% dos entrevistados exigem maior mobilidade e esperam puder continuar em trabalho remoto, mesmo após o levantamento do confinamento.

De acordo com um outro estudo recente da Xerox, 81% das Pequenas e Médias empresas reconhecem que a crise pandémica as tornou mais dependentes da tecnologia - e entendem que esta dependência irá continuar a fim de apoiar as equipas com modelos de trabalho híbrido

Por outro lado, 64% demonstram-se bastante otimistas com o futuro e preveem mesmo sair da pandemia mais fortes com a a aposta em soluções de automação, digitalização e segurança.

Modelo de workplace digital

O desafio está cada vez mais na capacidade de implementar corretamente um Workplace Digital assente na disponibilização de recursos tecnológicos que garantam tanta ou mais produtividade, tanta ou mais segurança, quando comparamos o trabalho no escritório ou em mobilidade.

Não existem dúvidas de que o foco está na procura de elementos de inovação que tornem o trabalho mais produtivo, seja qual for o local onde é realizado.

Desta forma, as empresas quando avaliam a seleção de um fornecedor de soluções e serviços de impressão e de gestão de documentos, têm que passar a dar a mesma valoração quer ao TCO (Total Cost of Ownership) quer a outras métricas qualitativas como a flexibilidade para se adaptarem às mudanças, e não menos importante, à capacidade de a tecnologia apresentada, se adaptar ao local de trabalho de cada trabalhador: seja no escritório, em casa ou em mobilidade.

Todos trabalhamos de forma diferente por isso as soluções tecnológicas mais adaptadas ao local de trabalho moderno necessitam de funcionar como ponto de entrada e saída para o acesso à cloud e a cloud services.

Segundo o estudo da Xerox “Future of Work”, 67% das empresas estão a aumentar os seus orçamentos de tecnologia, tendo como premissa que os escritórios físicos continuarão a ser locais de encontro para trabalho colaborativo e onde devem prevalecer aplicações de trabalho touchless, software baseado na cloud, ferramentas de colaboração digital e soluções de automação de processos.

Mas quando se fala de mobilidade, há alguns paradigmas que muitas empresas ainda têm enraizados.

As empresas ainda não compreenderam que pequenos elementos de automação não são sinónimo de uma empresa digital

A verdadeira transformação digital envolve a criação de uma solução end-to-end que inclui digitalização, indexação, armazenamento, partilha, conversão, impressão (caso necessário) de documentos e automatização de fluxos de trabalho e de documentos, simples e complexos, assente nos mais exigentes níveis de segurança.

WaaS - Workplace-as-a-Service

Mas porque os projectos de transição digital não têm que ser complexos e onerosos, tem ganho relevância o conceito de Workplace as a Service (WaaS), como uma extensão do conceito de Software as a Service (SaaS), e é a resposta aos clientes que adiaram os seus projectos de transição digital, por não conseguirem desfazer os silos internos que têm entre Hardware, Software, processos e agora modelos híbridos de trabalho.

Muitas vezes a tecnologia de que os clientes precisam para implementar um Workplace Digital, com gestão e partilha na cloud, workflows documentais digitais ou até mesmo com conversão de documentos de papel para digital (áudio, tradução, conversão); essa tecnologia está já dentro das organizações e no centro da forma como se trabalha: Impressoras e Multifuncionais inteligentes (Smart MFP’s). O investimento base (Workplace) está assim realizado, sendo apenas necessário capacitar os equipamentos com as App’s adaptadas à forma como se trabalha e às necessidades dos trabalhadores (Service).

Com a Tecnologia Xerox baseada na Plataforma ConnectKey, as empresas estão a descobrir que podem ir muito além da impressão com os SMART MFP’s, garantindo que a sua infraestrutura de impressão, agrega valor às rotinas de trabalho e está tão conetada como os colaboradores exigem, sem sacrificar a conveniência, a segurança ou o controlo de custos.

Trabalhar de forma mais inteligente, é a resposta ao paradigma do aumento da produtividade. Não porque se trabalha mais. Mas porque se trabalha melhor.

 

Conteúdo co-produzido pela MediaNext e pela Xerox

TAGS

Xerox

Recomendado pelos leitores

PHC lança oficialmente PHC GO
NEGÓCIOS

PHC lança oficialmente PHC GO

LER MAIS

Claranet Portugal adquire nova empresa nacional
NEGÓCIOS

Claranet Portugal adquire nova empresa nacional

LER MAIS

Falta de talento e competências digitais acentua-se nas organizações
NEGÓCIOS

Falta de talento e competências digitais acentua-se nas organizações

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 81 OUTUBRO 2021

IT CHANNEL Nº 81 OUTUBRO 2021

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.