2014-7-18

NEGÓCIOS

Maior despedimento de sempre

Microsoft despede 18 mil trabalhadores

Trata-se do maior despedimento de sempre feito pela Microsoft, que em 2009 tinha já suprimido 5.800 postos de trabalho, tendo na altura justificado esse despedimento com a crise financeira que então se encontrava sensivelmente a meio

Microsoft CEO Satya Nadella apresenta planos para uma restruturação do negócio. Fotógrafo: Robert Galbraith/Reuters

Satya Nadella, presidente-executivo da empresa há apenas cinco meses, deixou implícito um cortes de empregos, quando apresentou a sua estratégia e planos para uma empresa mais "enxuta".
Isso levou a especulações sobre cortes de empregos com números avassaladores mas, apesar disso, as expectativas subestimaram as 18.000 demissões anunciadas ontem, que, todavia, impulsionaram as acções da gigante da tecnologia ao seu nível mais alto desde o boom das pontocom em 2000, ganhando 1,5% para 44,84 dólares.

Os cortes virão principalmente da Nokia, que acrescentou mais 25% do pessoal para o Microsoftworkforce. Até agora, a maior supressão de redundâncias, da história da Microsoft, foi em 2009, quando o gigante de Redmond cortou 5.800 funcionários.

Iremos continuar a seguir este assunto.

Recomendado pelos leitores

Gfi adquire Informática El Corte Inglés
NEGÓCIOS

Gfi adquire Informática El Corte Inglés

LER MAIS

Sage Partner Program adapta-se aos desafios do COVID-19
NEGÓCIOS

Sage Partner Program adapta-se aos desafios do COVID-19

LER MAIS

IT em tempos de COVID-19: os heróis invisíveis da pandemia
NEGÓCIOS

IT em tempos de COVID-19: os heróis invisíveis da pandemia

LER MAIS

IT CHANNEL Nº 67 MAIO 2020

IT CHANNEL Nº 67 MAIO 2020

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.