2017-12-06

SEGURANÇA

Os 10 piores ataques de ransomware em 2017

Para a Minitel, a cibersegurança é um tema de grande preocupação. Negócios e empresas em todo o mundo foram seriamente afetados pela epidemia de ransomware que se propagou em 2017. O mais recente ataque, Bad Rabbit, foi apenas um acrescento à extensa lista de falhas de segurança que aconteceram este ano.

A Minitel — reconhecida pelas soluções empresariais de proteção avançada, análise preditiva e machine learning de Next Generation que disponibiliza— e a Webroot, líder de mercado na deteção de ameaças em tempo real com base na cloud, com a plataforma de inteligência de segurança BrightCloud — que protege milhões de utilizadores empresariais no mundo e que foi escolhida por várias empresas de segurança líderes no mercado noutros sectores de segurança (Palo Alto Networks – NGFWs; F5 – Application Delivery; Cisco – Redes; RSA - Autenticação e outras) para proteger as suas soluções— , revêm os 10 piores ataques de ransomware desde o ano passado e fazem recomendações.

O NotPetya está na lista do distribuidor como o ataque de ransomware mais destrutivo em 2017, seguido de perto pelo WannaCry e Locky. O NotPetya está em primeiro lugar pela sua intenção de danificar a infraestrutura de um país. Ao contrário da maior parte dos ataques de ransomware, o código do NotPetya não foi concebido para extorquir dinheiro às suas vitimas, mas sim para destruir tudo que aparecesse no seu caminho.
Enquanto o NetPetya e o WannaCry foram descobertos pela primeira vez em 2017, os
outros ataques de ransomware da nossa lista dos 10 piores, surgiram no ano passado e continuarem em 2017, mas com maior impacto.

Esta lista dos top 10 realça a realidade atual, um mundo cada vez mais conectado, com os cibercriminosos a desenvolverem novas infeções e a capitalizarem em métodos de ataque com sucesso garantido. Clique em cada imagem para saber mais.

Tenha a certeza de que a sua empresa está garantidamente protegida contra estes
ataques sofisticados. Conheça aqui as soluções avançadas de segurança da Minitel.

Conteúdo produzido por Minitel

Recomendado pelos leitores

Ataques de phishing aumentam significativamente durante Black Friday e Cyber Monday
SEGURANÇA

Ataques de phishing aumentam significativamente durante Black Friday e Cyber Monday

LER MAIS

Uber pagou a hackers para esconder perda massiva de dados
SEGURANÇA

Uber pagou a hackers para esconder perda massiva de dados

LER MAIS

63% dos executivos de utilities temem ciberataques à rede elétrica
SEGURANÇA

63% dos executivos de utilities temem ciberataques à rede elétrica

LER MAIS

IT CHANNEL Nº43 Dezembro de 2017

IT CHANNEL Nº43 Dezembro de 2017

VER EDIÇÕES ANTERIORES