2017-10-06

NEGÓCIOS

1ª Parte

Os vários tipos de Marketing: saiba qual é o certo para a sua empresa

Marketing é um termo usado para definir muitas estratégias. Como conceito, marketing refere-se a estudos e estratégias criadas para compreender bem, relacionar-se bem e – no final – ganhar um determinado mercado. Basicamente, refere-se a todo o esforço ou ação que sejam desenvolvidos com o objetivo de entender e conquistar um determinado mercado

Mas existem vários tipos e estratégias de marketing, e entender do que cada um trata é essencial para escolher o que vai ser mais adequado ao caso da empresa. Neste artigo, procurarei falar das principais e mais relevantes vertentes de marketing da atualidade, e ajudar a identificar com maior facilidade uma que seja compatível com o que o seu negócio precisa.
 
Direto ou indireto
Antes de apresentar os principais tipos de marketing, temos que diferenciar as duas maneiras utilizadas para abordar o cliente: direta e indiretamente. A primeira, como sugere o nome, reúne todo tipo de ação que apresenta diretamente ao consumidor o que a empresa tem a oferecer. Existem várias ferramentas para isso: eventos, promoções, distribuição de flyers, e-mails, telefonemas. Enfim, tudo o que funcione para gerar vendas diretas e, portanto, rentabilidade imediata para a empresa. Em contrapartida, aproximar-se indiretamente de seu cliente consiste em gerar uma exposição de marca não associada (pelo menos diretamente) a um objetivo direto de venda. Esta abordagem está mais focada em gerar perceção de marca, a fazer-se conhecida e respeitada pelo cliente e pelo mercado. Aqui entram investimentos em merchandising, anúncios, conteúdos institucionais e, como veremos mais à frente, práticas de inbound. Cada abordagem tem as suas vantagens e deve estar alinhada com os objetivos do negócio. Por exemplo: se a sua empresa precisar de vender rapidamente o stock de um determinado produto, não adianta de muito investir numa abordagem indireta. Da mesma forma, se o objetivo é fazer com que a sua marca se torne top of mind no seu segmento, distribuir flyers com promoções nas ruas não vai ser a sua melhor aposta
 
Marketing Digital
Na boca de todos nos dias que correm, o Marketing Digital engloba todas as ações e práticas que uma empresa pode realizar no mundo da internet com o objetivo de desenvolver a sua marca e otimizar os seus resultados. O seu grande diferencial é o seu potencial de interação: é possível dialogar diretamente com o cliente, dando a este a oportunidade de manifestar suas opiniões e desejos. É aqui que entram o e-commerce, o e-mail marketing, os blogues, as redes sociais e muitos outros recursos digitais. É uma área relativamente recente e bastante dinâmica, que veio alterar as regras do jogo. É, por isso, muito importante que os profissionais que queiram investir em marketing digital estejam sempre atualizados e a par dos novos recursos disponíveis (não, não adianta só ter uma página no Facebook e atualizar o LinkedIn).
 
Marketing Social e de Relacionamento
Com um mercado cada vez mais atento e que exige posturas adequadas aos seus intervenientes, o Marketing Social surge como ferramenta que permite às empresas associarem o seu nome a causas e questões sociais, sem um objetivo direto de venda. Aqui, o que conta é a promoção de ideias e não de produtos. O objetivo é educar o público e promover a consciencialização sobre temas de interesse geral, não empresarial. A ideia é que, ao associar a marca a essas ações, a imagem da empresa tenha um impacto positivo no consumidor. Já no que toca ao marketing de relacionamento, tudo gira à volta do contentamento e fidelização do cliente. Manter uma base de clientes satisfeita é obrigação de qualquer negócio que se queira manter vivo. Mas conseguir que esta mesma base permaneça fiel e entusiasmada com a marca já é outra conversa. E é exatamente isso que o marketing de relacionamento procura: ao oferecer um atendimento e assistência de qualidade, a empresa cria um relacionamento duradouro com o cliente, pautado pela confiança e satisfação. A partir dessa prática, as empresas têm a possibilidade de transformar os seus clientes em embaixadores - tão satisfeitos que ajudam na promoção e divulgação de um produto através de indicações a terceiros.

TAGS

marketing

Recomendado pelos leitores

Digital pode ajudar economia portuguesa a crescer 3,2 mil milhões de euros até 2020
NEGÓCIOS

Digital pode ajudar economia portuguesa a crescer 3,2 mil milhões de euros até 2020

LER MAIS

E apesar de tudo, a distribuição cresceu 4,7% em 2016
NEGÓCIOS

E apesar de tudo, a distribuição cresceu 4,7% em 2016

LER MAIS

Portugal é dos países com profissionais de IT menos preparados para o RGPD
NEGÓCIOS

Portugal é dos países com profissionais de IT menos preparados para o RGPD

LER MAIS

IT CHANNEL Nº41 Outubro de 2017

IT CHANNEL Nº41 Outubro de 2017

VER EDIÇÕES ANTERIORES