2017-11-08

EVENTOS

Fujitsu Forum volta a destacar a co-criação digital como a chave para a transformação

O Fujitsu Fórum está de regresso a Munique e na sua próxima edição espera receber mais de 12 mil de visitantes, que ficarão a conhecer de que forma a co-criação digital poderá ajudar a impulsionar a transformação dos negócios

Ao longo do último ano, a Fujitsu fez progressos significativos nos seus quatro pilares de negócios estratégicos: cloud, IoT e Inteligência Artificial – sustentadas pela segurança. O Fujitsu Forum irá destacar os mais recentes desenvolvimentos nestas quatro áreas chave para o negócio.

“A Fujitsu junta competências e tecnologias inovadoras com um know-how único dos clientes para criar novas soluções para os desafios empresariais. Esta abordagem de co-criação vai tornar-se cada vez mais a norma nos negócios numa sociedade digital emergente, à medida que a tecnologia aumenta as capacidades humanas, possibilitando a inovação e uma maior produtividade. Atualmente, todos os negócios se estão a tornar tecnológicos, dada a incorporação de elementos digitais em processos essenciais. A transformação digital molda um futuro próspero, mais seguro e mais sustentável, estando a Fujitsu empenhada em criar novo valor em conjunto com os seus clientes e parceiros de ecossistema”, refere Duncan Tait, Corporate Executive Officer e SEVP para as Américas e EMEIA na Fujitsu.

Cloud

Na cloud, a principal oportunidade de mercado para a Fujitsu são as Hybrid IT. Antevendo que mais de metade das grandes organizações vão passar a ter a maioria das suas capacidades TI a serem-lhes fornecidas através de serviços cloud nos próximos dois anos, a Fujitsu adicionou novas regiões Fujitsu Cloud Service K5 no Reino Unido, Finlândia, Alemanha, Espanha e América do Norte. A Fujitsu também está a fornecer uma nova capacidade de armazenamento privado dedicado, permitindo a residência local dos dados até para ambientes de cloud pública e cloud privada virtual – um importante passo rumo à conformidade com a requisitos regulamentares, incluindo o Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) da União Europeia.


IoT

Uma das tecnologias que está a impulsionar o crescimento da cloud é a IoTs, onde a Fujitsu proporciona novos níveis de inteligência na rede – perto dos próprios sensores. Para permitir que as empresas aproveitem esta oportunidade, a Fujitsu apresenta uma nova marca, Fujitsu INTELLIEDGE, para fornecer inteligência network-edge. Esta solução pode tomar decisões inteligentes em tempo real na edge, tendo por base aprendizagens a partir da cloud – e usa o poder da Inteligência Artificial para recolher, processar e aprender a partir dos dados dos sensores, e para conectar todo o tipo de informações de manufactura digital, desde o design até à produção e manutenção.

Inteligência Artificial

A Inteligência Artificial (IA) continua a abrir novos caminhos de interpretação da informação que os negócios geram. A Fujitsu vê um enorme potencial de mercado para a IA e está focada em permitir que os seus clientes aproveitem novas oportunidades de mercado. Aproveitando o seu valor, a Fujitsu trabalhou com a Siemens Gamesa, para a ajudar a implementar um sistema de controlo de qualidade. Neste caso, a IA não só reduziu o tempo exigido para as verificações de controlo de qualidade, como também detetou falhas menores que teriam sido invisíveis ao olho humano.

Anteriormente, verificar manualmente toda a superfície de uma lâmina demorava quase um dia inteiro – agora, a Siemens Gamesa consegue concluir uma inspeção em apenas 90 minutos, o que significa que os engenheiros são libertados de tarefas monótonas, mas necessárias, para se focarem em áreas já assinaladas pelo sistema. Tendo uma produção anual de 5 mil lâminas, a Siemens Gamesa poupa cerca de 30 mil horas de mão-de-obra.

Segurança

A capacidade que as organizações têm de funcionar no mundo digital depende, fundamentalmente, de uma cibersegurança eficaz, crítica para assegurar a disponibilização de serviços digitais aos clientes e para proteger a marca, as receitas e a confiança do cliente. Para estar na melhor posição possível para apoiar os seus clientes, a Fujitsu criou uma organização de Global Cyber Security e continua a desenvolver serviços de cibersegurança, incluindo serviços avançados como Cyber Threat Intelligence e Cyber Threat Analytics, suportados por Inteligência Artificial e automatização para uma melhor protecção e resposta em matérias relacionadas com a segurança.

Recomendado pelos leitores

Expo TI Databox 2017 liga o norte ao futuro
EVENTOS

Expo TI Databox 2017 liga o norte ao futuro

LER MAIS

Portugal recebe pela primeira vez Sage Sessions
EVENTOS

Portugal recebe pela primeira vez Sage Sessions

LER MAIS

Web Summit: Viagens aéreas no horizonte da Uber
EVENTOS

Web Summit: Viagens aéreas no horizonte da Uber

LER MAIS

IT CHANNEL Nº42 Novembro de 2017

IT CHANNEL Nº42 Novembro de 2017

VER EDIÇÕES ANTERIORES